Todos erramos. Errar é humano, repetir o erro, também. A palavra da vez é “Erro”, mas só é porque o que é meu erro, pode ser seu acerto, e o que você acha certo, eu posso achar errado. Nós queremos saber, aqui no Suma, o que você leitor, leitora, associa com “Erro”. Qual é seu contexto em sua vida? Qual é a primeira associação que lhe ocorre?

Semana passada só brincou Glória Leão, mas nesta quero ver o pessoal colocando o brainstorming em prática.

Até a próxima, Jiló

Textos da Vez:

1-      Erro – Arte/Poesia

2- Errare Humano Est – Filosofia Lusitana, Carla Cook.

3-      O que Faz Jiló Pular – Humor Casmurro, Jiló.

4-     My Facebook Friends – Parte 1 Erro ou Progresso? – Cultura Popular

5-      Erros e Clichês –Internacional

Regras do Jogo

———————————————————————————————————————

Formato, Novas e Mudanças

Desde que começamos o Suma, já dissemos que a coisa aqui é evolutiva, e que ainda temos muito a aprender e mudar. A proposta inicial de contar com alguns colaboradores fixos não é que caiu, mas entendendo um pouco mais do funcionalismo de nossas publicações, especialmente agora que o pequeno chefe se formou e terá mais tempo a dedicar por aqui, o formato está progredindo e se encaixando ao nosso gostinho. Apesar do formato original, já não fazemos questão de que as pessoas mandem seus textos com pseudônimos, ou que se concentrem em humor. Como visto aqui na maioria dos textos, falamos sobre tudo e escrevemos sobre ainda mais. Portanto:

1 – Como o formato desta edição, pretendemos continuar oferecendo textos permanentes nas áreas de relações internacionais/política; cultura/arte/filosofia; entretenimento/turismo e, quando possível, esportes, cartúns e assim por diante.

2 – A palavra da quinzena continua. Ainda é o guia central de nossos textos, e sua participação, leitora, leitor, é mais relevante do que nunca. Sem você, o Suma é um pouco menos Suma.

3 – Quem quiser contribuir para as próximas quinzenas seguindo este formato, nos avise pelo e-mail mandepragente@sumairracional.com.br dizendo em que área pode contribuir e com qual periodicidade. JURAMOS RESPONDER OS E-MAILS PRONTAMENTE (já tivemos problemas com o sistema, mas foram resolvidos).

4 – Criamos mais uma coluna fixa, aliás, quem criou fui eu, porque se dependesse dos outros eu estaria fumado. A coluna “O que faz o Jiló pular” é só minha, redigida, revisada e editada por mim, sobre os meus pulos revoltados quando ouço e vejo as asneiras que ouço e vejo diariamente na televisão. Para entender o que me faz rosnar tanto, basta acompanhar-me aqui, no Suma, a cada nova edição.

5 – Beti Timm continua ilustrando o Suma, e agora está se lançando no mercado da arte e precisa de vocês. Se estiverem interessados, Beti vende seus trabalhos por preços acessíveis e negociáveis. Confesso que quando ela mandou um pra nós aqui no escritório, o lugar ficou mais bonito e mais agradável de frequentar.  Confiram seus trabalhos no Flick!

Até a próxima,

Jiló

———————————————————————————-

Brincou de Descontentamento

Glorinha Leão:

Vim ao mundo
descontente
Não nasci
pra Polyanna
pergunto
questiono
reclamo
quero o meu
é meu direito
querer
Descontentamento
já se nasce com
Inquietação
é genético
Jogo do contente
nunca foi
brincadeira
pra mim
Não aceito
Não permito
quero
a ideia contrária
o estranhamento
a alegria
da discórdia

——-
http://www.cafecomglorinha.blogspot.com

Anúncios